Precisa fazer contrato na sua importação

Há décadas atrás, negociações eram feitas somente através de conversa e tudo que fosse combinado, era seguido à risca, como se fosse um contrato real, apesar do acordo ter sido de forma verbal.

Mas hoje em dia, tudo deve ser comprovado através de um contrato por escrito em qualquer tipo de negociação e principalmente no ramo de importação. Infelizmente, nem tudo são flores no mundo dos negócios.

Existem trapaceiros, pessoas que buscam lucrar enganando quem faz importação e gasta muito capital para fazer tudo acontecer: conseguem fechar negócio com a pessoa, recebe o valor combinado e simplesmente não entrega a mercadoria.

Ter um contrato com assinatura, carimbo e o prazo de entrega do fornecedor em um contrato, entre outras coisas, é essencial para quem está começando a importar da China; seria o mínimo para fazer tudo de forma segura e correta. O contrato é o documento que garante o recebimento do seu produto.

No caso do fornecedor não entregar sua mercadoria, você tem o contrato para apresentar perante um advogado para conseguir ressarcir o prejuízo. Nesse caso, o importador deve fazer uma carta descrevendo todo o ocorrido.

Como já descrito em outro artigo, infelizmente isso acontece muito e principalmente com pessoas que buscam um preço tão barato que nem existe no comércio chinês naquele momento.

Uma máquina que custe US$ 30 mil dólares por exemplo, o importador nunca vai conseguir comprar por US$ 5 mil dólares. Isso porque o custo do produto é embutido no preço do item. A ordem é não faça qualquer pagamento antes de ter um contrato do fornecedor carimbado e assinado por ele.

É claro que isso não vai dar garantia absoluta da sua mercadoria, mas de certa forma, é uma segurança.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima